top of page
Home: Blog2
  • Foto do escritorRita Cardoso

Será que os glaciares estão a derreter? - Sólheimajökull

Atualizado: 14 de set. de 2020

A primeira vez que visitei um glaciar foi na Islândia, o Sólheimajökull que é um dos braços do glaciar Mýrdalsjökull (4º maior glaciar da Islândia).

Até esse momento, não sabia bem o que era ao certo um glaciar, imaginava que era gelo (agora sei que é neve compactada que dá origem a um gelo com muito pouca quantidade de ar, cerca de 90% de água para 10% de ar), não sabia como se formava, nem as especificidades que o acompanhavam.

Hoje em dia, sendo um pouco mais culta nesse aspecto. entendo também a importância dos glaciares no Planeta Terra, mas mais que isso vejo o problema e o sinal que é o desaparecimento destes gigantes gelados.

Não aprofundando muito o tema, quero só mostrar um pouco do que viram os meus olhos nas várias visitas que fiz ao Sólheimajökull, quando constatei que efectivamente está a derreter a larga escala e muito rápido. Este braço de glaciar tem derretido uma média de 40 metros por ano na última década.

Em 2018, houve um Verão com tempo menos típico em que choveu muito e foi um ano com um Inverno pouco rigoroso, tendo o glaciar retrocedido mais de 100 metros. Ou seja, o recuo do glaciar também depende muito do tempo de ano para ano. Em 2019 apenas recuou 11 metros.


Primeira visita em Março, 2017


Segunda visita em Agosto, 2017


Terceira visita em Junho, 2019


Algumas fotos de antes e depois que encontrei no google:


Sólheimajökull 2007-2015 (retrocedeu 625 metros)
Sólheimajökull 2009-2011

Aqui também podem ver um artigo com fotos aéreas comparativas de antes e depois.

47 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


Tens perguntas?

  • instagram

Segue-me no Instagram

Thanks for submitting!

Iceland
Home: Contact
bottom of page